Blog

 

O  governo de Santa Catarina prorrogou para 01/04/2021 o início a obrigatoriedade de envio os arquivos do Bloco X   para as empresas que operam PAF-ECF (Cupom Fiscal) em Santa Catarina.

O prazo anterior era 01/10/2020, mas foi prorrogado pelo governo catarinense por conta da pandemia do novo corona vírus, com isso as empresas obrigadas tem  agora mais 6 meses para se adequar as regras.

Bloco X é um registro da Escrituração Contábil Fiscal (ECF). Foi criado para que as empresas possam transmitir os dados diários dos cupons fiscais emitidos e as informações relacionadas ao estoque mensal à Secretaria da Fazenda de Santa Catarina.

Os arquivos contendo informações requeridas no Bloco X serão integrados e enviados diretamente via Programa Aplicativo Fiscal (PAF-ECF).

O arquivo deve ser enviado diariamente, no caso venda de mercadorias, e mensalmente para acompanhamento do estoque. A medida permite melhor acompanhamento e fiscalização das transações de venda ao consumidor final.

O Bloco X é obrigatório para todos os estabelecimentos enquadrados nos códigos da Classificação Nacional de Atividades Econômicas (CNAE) relacionados ao  Comércio Varejista.

 

 

Compartilhar
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

VEJA TAMBEM

COVID-19 | ALTERNATIVAS TRABALHISTAS

Alternativas trabalhistas trazidas pela MEDIDA PROVISORIA 927. Estas alternativas se aplicam enquanto se mantiver decretado o estado de calamidade pública. 1-TELETRABALHO Poderá alterar o regime

Leia mais